Revista Junguiana 35/1

Revista Junguiana 35

Edição Digital: Veja Aqui na Íntegra

Portal Pepsic

revista junguiana 34Ecologia da Alma: A Natureza na Obra Científica de Carl Gustav Jung

Alisson José Oliveira Duarte

Ao estudar a obra de Carl Gustav Jung, bem como seu percurso biográfico, é notável a qualquer pesquisador que a natureza representou inspiração no processo de constituição de sua cosmovisão científica e pessoal. Nesse sentido, buscou-se, com esta pesquisa, apontar a relevância da natureza para a formulação da psicologia analítica, resgatando, nas obras completas do autor (34 volumes) citações em que o termo “natureza” foi utilizado para sustentar conceitos de sua teoria.

 

Prevenção Começa em Casa: Contribuições da Neurociência

Maria Paula Magalhães Tavares de Oliveira

O aumento do uso de drogas e de outros comportamentos que também provocam dependência é evidente no mundo contemporâneo, assim como a dificuldade no tratamento das dependências. Os achados da neurociência podem contribuir, dando subsídios para a prevenção dessa patologia. O presente trabalho aborda a importância do processo de tomada de decisão nas dependências, enfocando o cérebro do adolescente, e enfatiza o papel da intersubjetividade no desenvolvimento.

 

Imagem Corporal e Gravidez

Bárbara Gabriel Capecce Petribú

Martin Antonio Borges Alvarez Mateos

Este artigo visa refletir sobre as mudanças da imagem corporal na mulher durante a gravidez, colocando em foco alguns dos paradoxos desse aspecto da gestação. A gravidez é um dos grandes momentos de transformação na vida de uma mulher.

 

O Fim da Análise

Maria Carolina Barrieu

Silvana Parisi

O artigo trata do fim da análise, o que não implica em cura, alta ou individuação, pois esta última pode ter continuidade mesmo após o encerramento das sessões. São discutidos os términos abruptos e que podem mobilizar sentimentos de impotência, fracasso e aspectos da sombra do terapeuta – algumas situações são ilustradas com casos clínicos.

 

Vilão ou Herói? Uma Meditação Sobre a Representação do Negro em Dois Contos Folclóricos Brasileiro

Marco Heleno Barreto

O autor examina dois contos folclóricos brasileiros do século XIX e mostra como a representação do negro em cada um deles aponta para duas possibilidades distintas no que diz respeito à configuração psicológica brasileira, em sua relação com a verdade profunda de nossa constituição psicocultural histórica.

 

Elaboração das Vivências Psíquicas: O Papel da Literatura

Isabela Paixão Rodrigues

Fernanda Gonçalves Moreira

Este artigo tem como objetivo explorar como a literatura pode auxiliar na elaboração de vivências psíquicas, não apenas para quem escreve como também para quem lê. Com base nos textos de C. G. Jung sobre psicologia analítica e literatura, e mantendo o enfoque principal no processo criativo e não na interpretação da obra, o presente artigo avalia como diferentes tipos de textos (poemas, letras de músicas e livros) de épocas distintas podem representar conflitos surgidos do inconsciente do autor ou atuar na individuação do leitor.

 

“Casa Tomada” – Leitura de um Conto de Julio Cortázar

Victor Palomo

A partir do conto “Casa tomada”, de Julio Cortázar, o presente artigo faz amplificações e correlações com os conceitos de anima e inconsciente coletivo, além de sugerir pontes para a interlocução entre psicologia analítica e literatura.

 

Calatonia – O Toque Sutil na Psicoterapia

Sylvia Mello Silva Baptista

Esta resenha é um convite a entrar no mundo da calatonia, uma técnica de integração psicofísica, pelas mãos delicadas de Rosa Farah, psicóloga e professora que dedicou anos de sua vida à prática e ensino. Trata-se de uma adaptação do seu próprio livro Integração psicofísica – o trabalho corporal e a psicologia de C. G. Jung, publicado em 2008, agora em formato mais sintético em português e em inglês. Sua versão em inglês tornará possível que os conhecimentos do professor Pethö Sándor cheguem a alunos da Europa e dos Estados Unidos.